Você é o que você escolhe ser.

Cara, já cansei de ouvir as pessoas dizendo que é isso ou aquilo outro.
Que não é feliz, que não sabe o que fazer.
Que a culpa é de alguém, que alguém errou.
Que é assim e não sabe o porquê. E assim vai...
Cansei de ver, escutar, e consolar pessoas assim.

Tem aquele ditado básico "o pior cedo é o que não quer ver". Exatamente o que ocorre com esse tipo de pessoa. Não vê o que é, e que é assim por sua própria culpa. Consciente ou inconscientemente a pessoa optou por ser assim e cabe a ela própria mudar. Não adianta dizer, ela não quer ver.

Agora vou complementar o ditado: "o pior cedo é o que não quer ver", pior ainda é o que vê mas opta por nada fazer.
Irritante. A pessoa é de tal forma, sabe que é culpa sua, mas o que faz? NADA.
fica estagnada nisso, se dá por vencida. Requer a pena de todos. Coitada dela, ela tem problemas... Pera aí, todos temos, mas ela quer ser vitimizar por isso. Uma espécie de golpe baixo para que os outros tenham pena, uma chantagem emocional.

Hoje vi isso numa pessoa. O eterno sou assim e não sei mudar, a culpa é de alguém. Nem lutar contra ela não tenta, prefere colocar a culpa em alguém... é triste.

"0 homem é precisamente o que ainda não é. O homem não se define pelo que é, mas pelo que deseja ser."
(ORTEGA Y GASSET, 1963).

-

Bem, acho que to perdendo a habilidade de escrita de tanto tempo sem postar. Nem sei se alguém lê ainda isso aqui... mas se lê, assim que der eu volto pra escrever algo!

domingo, 19 de outubro de 2008

2 Comments:

Leandro Marlon said...

Eu odeio quem se faz de vítima, mas geralmente, nem sempre quem se diz como perdido está se fazendo de vítima.
Quem sabe, essas pessoas não conseguem deixar passar essa imagem mais 'frágil' para algumas pessoas e as pessoas simplesmente parecem não se importar?
Quem sabe o que cada um sente é cada um, assim você também já me disse uma vez. Cada um escolhe com quem se solidarizar.
O problema é que nem sempre se pode ser como quer, e o que é dito para algumas pessoas? Geralmente é dito que elas fracassaram ou que erraram. Primeiro criticam abertamente uma escolha, para depois ouvir sem se importar.
Mas cada um tem uma oportunidade de escolher o que quer.
Vai ver que quem mais fala, então, é o verdadeiro erro. Contra um erro, só o sistema pode deletar.
Mas o fato é que todos temos problemas, mas muitos desses problemas nós mesmos que trazemos para nossas vidas. Quem sabe, se algum dia pararmos de pensar nos outros e pensarmos em nós mesmos poderemos resolver?
A vida é assim. Para se aprender, tem de tomar porradas, perder... Quem não perde aprende. [Falo por experiência própria]
Infelizmente, se omitir por um medo e se calar para não ter briga são coisas que muitas pessoas tem.
O que fazer? Só o tempo dirá.

Aline Costa said...

Bom, mas no caso da pessoa que eu me referia [ela do sexo feminino, que talvez vc saque quem é) prefere jogar a culpa nos outros e inventar traumas. E isso só piora, pq ela nunca vê o que ela própria está fazendo consigo, e com os outros tb.