Uma coisa sobre acreditar.

Acreditar. Coisa que alguns sabem fazer muito bem. Acreditar em tudo: mudanças, atitudes, sonhos, pessoas... acreditar é um coisa muito legal, quando se sabe no que acreditar. Quando não se sabe, passa a ser uma pequena fonte de decepção. Acreditar é algo fácil, mas se você é tolo, acaba acreditando em coisas impossíveis. Não estou dizendo que acreditar no impossível é ruim. Não, muitas vezes acreditar no impossível é o que impulsiona grandes coisas, mas depende do impossível. Troquemos a palavra então: impossível por irreal. Esse sim é perigoso. Contagia com suas possibilidades, cegando, as vezes, para a realidade. Ahh, o irreal as vezes é tão doce... principalmente quando alguém te faz acreditar nele. o perigo reside quando a realidade bate a porta. E tem gente que vê um enorme prazer quando esta se apresenta a alguém, lhe esvaindo as esperanças. Não vou me alongar mais do que isto, mas acho que cheguei uma conclusão: acreditar é para os fortes e sábios, e ai do tolo que arriscar a acreditar, pois corre o risco de se arrepender.

sexta-feira, 15 de janeiro de 2010

1 Comment:

said...

"torna-te aquilo que és" é um pensamento preciso e impiedoso. invariavelmente nos tornaremos algo que já somos, seja onde for que estivermos ao olhar pra trás.
não quero perder o sono. não posso perder o sono agora.
se é que você me entende.
saúde!